“A MAIOR DE TODAS AS IGNORÂNCIAS É REJEITAR UMA COISA SOBRE A QUAL VOCÊ NADA SABE."

quarta-feira, 18 de maio de 2011

O Papa - Experimento

Exercício 1

Pode usar este exercício para favorecer o seu relacionamento.

Comece por se sentar numa posição confortável, coloque a carta O Papa à sua frente e tente visualizá-la bem. Saiba que os conceitos gerais da carta são: continuidade, sinceridade, fidelidade, tranquilidade... Feche os olhos, coloque as mãos voltadas para cima descontraidamente sobre o colo ou joelhos, inspire e expire profundamente. Medite sobre o seu relacionamento pessoal ou profissional que requeira a sua atenção e no qual gostaria de fazer mudanças ou simplesmente melhorar. Pense em todos os pontos: se está à procura de um relacionamento, pense como gostaria que fosse essa pessoa e peça a Deus, numa oração interior que a coloque no seu caminho.

Respire fundo e sinta todo o seu corpo a relaxar. Está num jardim muito bonito e à sua frente está uma igreja. Caminhe para lá, abra a cortina que o/a separa da entrada da igreja. veja, ao fundo está o Papa sentado no seu trono. Vá ao encontro dele.

Imagine o papa diante de si, veja-o com todos os pormenores: as vestes papais, a tiara, o cetro de três cruzes. Aproxime-se e ajoelhe-se aos seus pés. Sinta a bondade, a doçura e a harmonia que vêm deste homem. Deixe-se envolver por estes bons sentimentos, fale-lhe sobre o que o/a incomoda neste momento ou simplesmente o que deseja que aconteça na sua vida. Ouça as palavras que ele tem reservadas para si com atenção. O Papa é o detentor da sabedoria divina, pois é o representante de Deus e Deus deseja que seja muito, muito feliz.

O Papa coloca agora a sua mão direita sobre o seu coração e dele sai uma luz rosa. É a luz do amor, da compaixão e da harmonia, deixe-a entrar no seu coração, receba-a como uma oferta de amor divino. Esta luz no seu coração vai ajudá-lo/a nos seus relacionamentos diários, estará mais confiante, falará com mais amor, estará mais receptiva a receber todo o amor, amizade e respeito que merece. Pode levantar-se. Agradeça ao papa por o/a receber e abençoar. Volte, passe pela igreja, feche a cortina e saia de novo para o jardim. Respire profundamente e aos poucos vá desfazendo esta imagem mental, saia do relaxamento movendo o corpo e abrindo os olhos.

Afirmações (conselhos) para o Papa:

- Deixo que a minha luz interior se manifeste e me guie com sabedoria e compaixão.

- Eu sou a inteligência.

- Eu sou a prudência.

- Eu sou o equilíbrio.

- Eu sou o poder da comunicação.

Exercício 2

Sente-se de um modo que se sinta confortável, procurando não cruzar os braços nem as pernas, na denominada posição do Faraó, (Posição Rosacruz). A seguir, coloque à sua frente o arcano O Papa num suporte, ou de qualquer outro modo que lhe permita contemplá-lo comodamente. Acenda agora uma vela vermelho-alaranjada, a cor deste arcano, e alguns carvões, nos quais queimará um pouco de cravo da Índia ou mirra, perfumes que estão em sintonia com ele.

Respire profundamente, enquanto observa O Papa e descontraia-se. Depois de estar calmo/a, imagine como a carta vai aumentando de tamanho, lentamente, até invadir todo o campo visual e, enquanto a observa, como as cores se tornam mais vivas, as formas mais definidas e percebe-se cada um dos pormenores dos rostos dos personagens.

Lentamente, a imagem torna-se muito mais viva. Contemple o brilho das estrelas que se vêem através das janelas do templo, e observe o Sumo Pontífice usando uma tiara com os emblemas do Sol e da Lua, e o seu rosto impassível, enquadrado na escuridão da noite que se vê através do arco do santuário. Sinta como o feixe de luz se torna cada vez mais potente até o invadir por completo, provocando-lhe um ligeiro formigueiro na testa que o obriga a pestanejar e a fechar os olhos.

Visualize-se a si, dando um passo em frente e penetrando no arcano. Abra caminho entre a multidão até se encontrar na frente do Papa. Ele é o seu conselheiro espiritual e é a altura de pedir-lhe informação sobre os temas filosóficos, espirituais ou éticos que o preocupam; pergunte e mantenha-se receptivo/a até receber uma resposta que possa chegar sob a forma de palavras, gestos ou símbolos.

Se não procurar conselho para si próprio/a, mas para outra pessoa, em vez de se pôr em frente do Papa e interrogá-lo, trate de se identificar com ele, e sentirá como a sua sabedoria cresce no seu interior, esclarecendo a sua mente e o seu coração. Faça mentalmente a pergunta para essa pessoa, e convença-se de que possui a resposta. Espere até que esta apareça em forma de palavras. símbolos ou imagens, e confie nela, por mais estranha que pareça.

Para terminar, dê um passo atrás e sinta como sai do arcano. Depois, se for o caso, anote imediatamente num livrinho o conselho ou a resposta que tiver de dar a quem o/a consultou.

Função do arcano:- Receber e dar conselho

Representa:- O Mestre interno, a voz interior, a intuição e o ouvido.

Desperta:- O sentido de adaptação, a seleção, o ajuste.

Desenvolve:- A intuição e a perseverança.

Leonardo Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que procuras? '.' .'.