“A MAIOR DE TODAS AS IGNORÂNCIAS É REJEITAR UMA COISA SOBRE A QUAL VOCÊ NADA SABE."

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Do propósito


Cada dia que passa tenho constatado a futilidade da matéria em sua aplicação a nível de ideal de vida. Muitas coisas novas têm aparecido em minha vida como que de forma ordenada respondendo aos meus questionamentos acerca de objetivos pessoais e coletivos na humanidade.

O desejo por cargos, reconhecimentos, títulos, status desta ou de outra forma, acabam por nos desviar da verdadeira meta que nós como “Entes” não criados neste local temos de cumprir. Sabemos que tudo em excesso faz mal, excesso de estudo, lazer, trabalho e até mesmo de meditação.  Geralmente quando estamos na Senda mística observamos erros em nós que devemos transformar em acertos, mas postergamos, afirmamos não estar prontos e temos assim, a eternidade para lapidar nossa pedra bruda.

Nossa inobservância quanto aos resultados de nossas escolhas geram mais cedo ou mais tarde sofrimentos que não poderemos evitar, sabedores de que a época do plantio já passou, vem então o arrependimento ou devido ao ego espesso demais para reconhecer um erro do passado, afirmamos não estar conscientes de quão grave fora tal escolha no passado.

Se não ouvirmos nossa própria consciência por conta do tampão chamado ego em nossos ouvidos, no Juízo Final, momento da Grande Iniciação nos veremos face a face com o que nos fora exortado durante toda a vida aqui na Terra.

Comecemos pois, o quanto antes a observar como está sendo nossa conduta através da reação daqueles que amamos e nos amam, pois eles sinalizarão o quanto antes como estamos trilhando nosso caminho, se estamos guiados pela vaidade e pelo cego ego ou se estamos sóbrios diante das Verdades Universais, se estão sofrendo, algo está errado, se estão felizes, virtude e bom aproveitamento delas é o que nos transborda.

Leonardo Rocha  .'.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que procuras? '.' .'.